TOPLINK MUSIC - Official Website - All Rights Reserved 2021
Website by Joao Duarte - J.Duarte Design - www.jduartedesign.com

TARJA TURUNEN APRESENTA MÚSICAS NOVAS E HIPNOTIZA O PÚBLICO EM CURITIBA
Postado em 26 de October de 2015 @ 4:33 pm | 917 views


Vermelho. Era a cor que predominava no palco do Vanilla Music Hall minutos antes do tecladista Guillermo de Medio executar os acordes de “Phanton of The Opera” – tema do clássico musical de 1986 –, que abriu o show da finlandesa Tarja Turunen na noite do último domingo (25).

A cantora tem uma presença magnética e subiu ao palco depois de um estratégico atraso de trinta minutos. Totalmente à vontade, regendo as reações da plateia, fez da música de abertura uma espécie de prefácio para o que sua voz de soprano poderia oferecer à audiência.

O clássico foi seguido de “500 Letters”, momento em que o público, como forma de interação, atirou ao palco dezenas de cartas. A diva do metal, respondendo ao gesto, apanhou algumas e deu ainda mais significado à letra da canção ao atirá-las para cima.

Outro momento marcante veio logo após a energética “Falling Awake”. Após uma breve pausa, Tarja agradeceu o apoio dos fãs. “A vida é cheia de cores. A minha vida é cheia de cores. E sabem por que? Por causa de vocês. É incrível receber esse carinho de vocês por todo esse tempo. A próxima música é sobre isso”, disse, dando início a “My Winter Storm”.

Tão importante para a criação da atmosfera “teatral” tão característica das apresentações da cantora é a composição do figurino. Por isso, após outras duas canções ocorreu a primeira troca de roupa. O visual inteiramente negro deu lugar a um figurino cheio de brilho que reflete justamente o vermelho e o lilás – cores que compõe a capa do disco “Colours in The Dark”, responsáveis pela identidade visual da turnê.

A mesma teatralidade também se reflete na própria postura da cantora que, assim como nas demais, quando apresenta a canção inédita “No Bitter End”, valoriza a intenção de cada palavra, com todo o corpo respondendo às mudanças de andamento da música.

Em mais um exemplo da pluralidade de suas referências comentada em entrevista anterior, a cantora trouxe no repertório “Goldfinger”, canção de autoria de John Barry, que faz parte da trilha sonora do filme “007 contra Goldfinger”, de 1964.

Após a segunda troca de roupa, em que fez uma homenagem aos fãs ao trazer uma bandeira do Brasil ao palco, aqueles que tinham a esperança de ouvir alguma canção do Nightwish foram recompensados com “Slaying the Dreamer”, para delírio do público.

Depois de 17 músicas, o show terminou com a sugestiva “Until My Last Breath”, seguida dos costumeiros aplausos, despedidas e declarações de amor ao público, que deixou o local hipnotizado.

  •        RESENHA DE: Rico Boschi, especial para a Gazeta do Povo

Replicado por Top Link Music

Para quem perdeu a chance de ver esse grande espetáculo, a cantora ainda fará uma apresentação em Porto Alegre no próximo dia 28 de outubro.

28/outubro – Porto Alegre, no Teatro do Bourbon Country.

http://www.ingressorapido.com.br/Evento.aspx?ID=41608

Novedades







1 User Online
 

TOPLINK MUSIC - Official Website - All Rights Reserved 2021
Website by Joao Duarte - J.Duarte Design - www.jduartedesign.com